Oficina deColagem no Processo Criativo

Chamada Aberta

Bia Leite/ CE

17/18/ 19/20 jul  > 18h às 20h  > 15 vagas > Pago

Local: Trincheira (Rua Coronel Ferraz, 76)

>>>

>>>

O curso deColagem totaliza 8h de aula divididas em 4 encontros de 2h cada. Os encontros trazem referências de diversas possibilidades de se utilizar a técnica da colagem nos processos e nos resultados das linguagens da arte. Utilizando a analogia da viagem espacial, pretende-se incentivar o pensamento criativo para exercícios de trocas de imagens para a elaboração de uma colagem no final do processo. Os encontros estão divididos nesses estágios de voo:

4 contagem regressiva

apresentação obras e artistas, coleta por interesse das imagens e materiais/imagens que nos cercam, imagens terrestres.

3 voo do foguete

apresentação pt2, trazer as imagens para mostrar p/ grupo, trocas, reconhecimento das partes de si, sair da exosfera

2 vácuo

silêncio por fora, filme* + crítica, olhar p/ material dos tripulantes, conversa

1 aterrissagem no Planeta Dos Macacos

inquietações que surgiram postas em prática

>>>


Bia Leite é natural de Fortaleza, CE, nascida em 1990. Bacharel em Artes Plásticas na Universidade de Brasília. Concentra os estudos em pintura, gravura, desenho e cinema, e a colagem se configura como catalisadora de todos os processos. Aborda temas como a violência, o conflito, o amor, questionamentos sobre gênero e sexualidade e a força da família lgbtqi+. Já expôs suas telas no Galpão Bela Maré (RJ), na Galeria Espaço Piloto (BSB), na Galeria FAU (BSB), no Centro Cultural Espaço Mundo (PB) e no SESC (DF), onde obteve menção honrosa pelo Prêmio Cândido Portinari de Pintura edição 2012 deste último. Em 2015 expôs na Galeria Transarte (SP) com curadoria de Maria Bonomi e Lena, sendo premiada em segundo lugar no edital LGBT da mesma e ainda neste ano participou do projeto de intervenção na fachada da Galeria Alfinete (BSB). Em 2016 participou da exposição coletiva Forma Adiante na Galeria Alfinete e de (In)constante no Espaço Piloto. Produziu e dirigiu o curta-metragem “Pau-de-Priscila” em parceria com Danielle Monteiro, finalizado em 2016 e exibido nas mostras Palacine (RJ) e Cine Cartola (CE) e na mostra Periferias da Imagem na Caixa Cultural (RJ). Em 2017 expôs no Observatórios Urbanos, na Galeria Pilastra (Guará II, DF), Centro Cultural Elefante, Casa da Cultura da América Latina da UnB, no Museu dos Correios (BSB), Salão das Ilusões (CE) e no Santander Cultural na exposição Queermuseu: cartografias da diferença na arte brasileira e fez sua primeira exposição individual na Galeria Transarte Choque de Monstro: Afetos Profanos e a segunda na Galeria Alfinete com curadoria de Andrea Campos de Sá, Impressões Noturnas. Em 2018 expôs na Galeria Pilastra (DF), na Galeria Cândido Portinari (UERJ), na Caixa Preta (RJ) e nas Cavalariças do Parque Lage (RJ).

A confirmação de sua inscrição apenas será realizada após o pagamento e envio do comprovante. Assim, não deixe de envia-lo para o e-mail salavaziaresidencia@gmail.com assim que o fizer, tudo bem?

*IMPORTANTE: 2 BOLSAS INTEGRAIS DO CURSO SERÃO CONCEDIDAS A PESSOAS TRANS. ENVIAR CARTA DE INTENÇÃO E PORTFÓLIO ATÉ O DIA 15/07 PARA O EMAIL: bilork@gmail.com

Aguardamos vocês em breve!

>>>

SERVIÇO:

Inscrições://forms.gle/RA3QZmACVEAxb1kEA
Data: 17, 18, 19, 20/07, das 18h às 20h
Local: Trincheira – Rua Coronel Ferraz, 76
Centro – Fortaleza
Valor de investimento total: R$ 50,00 / 4 encontros de 2h/ Total: 8h

Conta para depósito/transferência:
Banco do Brasil
Clara Bastos
Agência: 2917-3
Conta Corrente: 124042-0

>>>

texto: crítica do filme Sisters (1972) Ruy Gardnier na revista online CONTRACAMPO.
http://www.contracampo.com.br/47/sisters.htm

referência: A colagem como processo criativo: da arte moderna ao motion graphics nos produtos midiáticos audiovisuais 
https://dialnet.unirioja.es/descarga/articulo/3900496.pdf